Quinta-feira, 4 de Setembro de 2008

 

A maioria dos nossos colunistas, analistas políticos encartados e simples escrevedores insistem em falar da campanha de Obama como a da “esquerda americana”.
 
Ora, mesmo para um rematado ignorante, como eu próprio, em matéria de política interna americana, tal insulto não faz qualquer sentido.
 
Em abono da mesma tese que os faz insistir na distinção, a “esquerda americana” não existe. A este nível, pelo menos. É mais ou menos o mesmo que distinguir, hoje, os nossos PS e PSD, catalogando o primeiro à esquerda e o segundo à direita. A nenhum deles assenta bem a distinção.
 
No entanto, os nossos ilustres comentaristas insistem na distinção. Porquê? Uma vez mais na errónea convicção de que os europeus também votam nas eleições americanas. Acenando, assim, a tais putativos eleitores com o fantasma (de facto, assustador) da “esquerdalhada”. Ou, em sentido inverso, com o “paraíso” perdido.
 
Meus caros, os europeus, portugueses incluídos, mesmo contando com os açorianos, não votam nas eleições americanas.
 
Deixem lá de arrumar os candidatos à esquerda e à direita e apontem e discutam as diferenças nas propostas políticas das duas candidaturas.
É isso que faz os americanos escolher.
É isso que nos pode informar, europeus empedernidos de velhas dicotomias, sobre o que verdadeiramente está em causa nas eleições americanas.
As políticas, as propostas. Guerra, paz, relações externas, economia, segurança social, fiscalidade.
A discussão esquerda/direita entre democratas e republicanos faz pouco ou nenhum sentido.
 

Se verdadeiramente estivesse em causa, para os americanos, escolher entre um candidato à direita e um candidato de esquerda (aquilo que eles entendem como sendo de esquerda), quem acham que ganharia?



publicado por Nuno Albuquerque às 11:03 | link do post | comentar

mais sobre mim
Setembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


posts recentes

SOCIO-FASCISMO

Comentários online. Ponto...

Bofetadas

Animal feroz.

A Taxa

Rui Machete pede desculpa...

Limitação de mandatos

Da falta de pudor.

Deus,se existisse, era at...

"Até quando a velha carca...

arquivos

Setembro 2017

Janeiro 2017

Abril 2016

Novembro 2014

Outubro 2013

Setembro 2013

Março 2013

Novembro 2012

Julho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Dezembro 2011

Maio 2011

Setembro 2010

Abril 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Janeiro 2009

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

links
blogs SAPO
subscrever feeds